Você está aqui
  1. Exercícios
  2. Exercícios de Geografia
  3. Exercícios sobre Segunda Revolução Industrial

Exercícios sobre Segunda Revolução Industrial

Esta lista de exercícios permitirá medir os seus conhecimentos sobre os principais elementos que caracterizam a concretização da Segunda Revolução Industrial no mundo.

Questão 1

A Segunda Revolução Industrial foi um processo histórico-econômico iniciado na ______________ em meados do século XIX. Logo após, ela foi expandida para outros países até atingir o seu ápice, já no século XX.

Qual o nome do país que completa corretamente a lacuna acima?

a) Espanha

b) Rússia

c) China

d) Inglaterra

e) Alemanha

ver resposta


Questão 2

A Segunda Revolução Industrial ficou marcada por profundas mudanças na lógica industrial, como a ascensão dos modelos taylorista e fordista. Portanto, ela iniciou a

a) automação da produção fabril.

b) expansão da informática.

c) utilização de fontes renováveis.

d) globalização da economia.

e) elevação do número de bancos.

ver resposta


Questão 3

As indústrias da Segunda Revolução Industrial apresentaram uma grande expansão em razão do aumento da demanda do mercado mundial. São exemplos de indústrias desse período:

a) têxtil, metalmecânica e alimentícia.

b) siderúrgica, metalúrgica e química.

c) informática, química e farmacêutica.

d) metalúrgica, alimentícia e robótica.

e) eletrônica, informática e siderúrgica.

ver resposta


Questão 4

Assinale a alternativa que explicita de maneira correta duas causas para a ocorrência da Segunda Revolução Industrial:

a) crescimento da classe trabalhadora e elevação da cotação do dólar.

b) ocorrência de grandes conflitos mundiais e ascensão do capitalismo.

c) implantação do neoliberalismo e expansão das empresas multinacionais.

d) aumento da participação estatal e financiamento público da economia.

e) desenvolvimento do liberalismo e acúmulo de capital pela burguesia.

ver resposta


Questão 5

O imperialismo exercido pelas nações dominantes durante a Segunda Revolução Mundial está diretamente relacionado à

a) ampliação do mercado consumidor e à necessidade de matérias-primas.

b) expansão das multinacionais e à grande dependência do carvão mineral.

c) ascensão de grupos de extrema-direta nos países industrializados da época.

d) criação de blocos econômicos para aumentar a competitividade regional.

e) elevação do consumo doméstico e ao aumento da importação de produtos.

ver resposta


Questão 6

A Segunda Revolução Industrial provocou profundas mudanças na sociedade, entre elas a(o)

a) grande participação feminina na indústria e a queda da longevidade.

b) melhoria na distribuição de renda e a criação das transnacionais.

c) decréscimo da renda da população e o aumento do desemprego.

d) elevação da automatização fabril e a diminuição da desigualdade.

e) crescimento do êxodo rural e o consequente avanço da urbanização.

ver resposta


Questão 7

A Segunda Revolução Industrial não ocorreu de maneira homogênea em todo o globo. Em termos gerais, os países que não acompanharam esse processo na época se tornaram

a) especialistas na produção de bens manufaturados primários, como os químicos.

b) importadores de alimentos para a utilização das indústrias siderúrgicas locais.

c) dependentes da exportação de matérias-primas para as nações industrializadas.

d) produtores de bens manufaturados importados para as nações ricas.

e) fornecedores de mão de obra altamente especializada para as automobilísticas.

ver resposta


Questão 8

O Brasil passou pela Segunda Revolução Industrial de maneira tímida, porém fundamental para fundar as bases da indústria nacional. São características da Segunda Revolução Industrial no Brasil a

a) criação de grandes empresas estatais e a importação de alimentos.

b) utilização do capital cafeeiro e a expansão da rede de ferrovias.

c) produção de agroquímicos e a exportação de produtos primários.

d) expansão da indústria de informática e a criação de tecnopolos.

e) fundação de multinacionais e o grande aumento da agroindústria.

ver resposta


Questão 9

(UEA 2018) A Segunda Revolução Industrial, ao longo da segunda metade do século XIX, apresentou um marco que determinou os novos paradigmas do sistema socioeconômico capitalista. Esse marco foi

a) a difusão do meio técnico-científico-informacional.

b) a acumulação primitiva de capitais.

c) a disseminação do trabalho assalariado.

d) a utilização do petróleo e da eletricidade.

e) a expansão das multinacionais e dos monopólios.

ver resposta


Questão 10

(Univesp 2017) Ocorrida no período correspondente à segunda metade do século XIX e ao início do século XX, a Segunda Revolução Industrial se caracterizou pela relação intrínseca entre indústria e ciência, expressa em invenções e produtos como

a) o avião, o telefone celular e a bomba atômica.

b) o satélite, o automóvel e o computador.

c) a eletricidade, a televisão e a internet.

d) o telefone, o telégrafo e o rádio.

e) a bússola, o trem e o raio-X.

ver resposta


Questão 11

(Unicentro 2017) A grande concentração de capital, ocorrida durante a Segunda Revolução Industrial, resultou na passagem do capitalismo industrial ao capitalismo financeiro. Nessa forma de capitalismo, a fusão de várias empresas em apenas uma, que assume o comando com o objetivo de concentrar e dominar todas as fases de produção, distribuição e consumo, é chamada de:

a) cartel.

b) truste.

c) holding.

d) capitação.

e) privatização.

ver resposta


Questão 12

(Unicentro) A partir da segunda metade do século XVIII, na Inglaterra iniciam-se uma série de inovações tecnológicas aplicadas às fábricas e ao trabalho produtivo, levando a grandes transformações econômicas conhecidas como Revolução Industrial. Assinale a alternativa INCORRETA.

a) Até a Revolução Industrial, grande parte das atividades manufatureiras se desenvolvia nas oficinas ou nos domicílios dos próprios trabalhadores.

b) Sobre a Revolução Industrial, pode-se afirmar que a burguesia perdeu a oportunidade de fixar seu poder econômico e consolidar sua supremacia política.

c) Na manufatura o trabalhador gozava de certas liberdades de movimentos, pois ele trabalhava com sua máquina e seus próprios instrumentos.

d) A indústria têxtil — dentro dela a indústria de algodão — fez da Inglaterra, no século XVIII, a principal potência econômica do mundo.

e) O sucesso da indústria têxtil na Inglaterra deve-se ao fato de que seus produtos eram mais baratos e eram dirigidos a um mercado em plena expansão interna e externamente.

ver resposta



Respostas

Resposta Questão 1

Letra D

A Inglaterra, assim como na Primeira Revolução Industrial, também assumiu o protagonismo do início da Segunda Revolução Industrial. O país reunia condições essenciais para esse processo, em especial, a modernização das suas indústrias.

voltar a questão


Resposta Questão 2

Letra A

Os modelos produtivos taylorista e fordista culminaram no início do processo de automação fabril. Os processos manuais, antes largamente empregados na indústria, foram, aos poucos, substituídos por elementos automatizados, como as esteiras rolantes.

voltar a questão


Resposta Questão 3

Letra B

As indústrias de base, como as siderúrgicas e metalúrgicas, obtiveram um grande crescimento ao longo da Segunda Revolução Industrial, em especial, por fornecerem produtos para outras indústrias, como a automobilística. Já a indústria química, iniciada nesse período, fundamentou as bases para o desenvolvimento de indústrias como a farmacêutica e a agroquímica.

voltar a questão


Resposta Questão 4

Letra E

A Segunda Revolução Industrial teve como mote principal o desenvolvimento do modelo liberalista da economia, que visava à ampla participação dos agentes privados no âmbito econômico. Por sua vez, a acumulação de capital pela burguesia foi primordial para a realização de investimentos na expansão das indústrias nesse período.

voltar a questão


Resposta Questão 5

Letra A

O imperialismo é um momento histórico-econômico marcado pela ampliação do mercado consumidor e pela necessidade de matéria-prima. Assim, os países mais desenvolvidos do globo, por meio de ações predatórias, buscaram, em outros territórios, elementos naturais que garantiram o abastecimento das suas indústrias e, consequentemente, de seus mercados internos.

voltar a questão


Resposta Questão 6

Letra E

A expansão das indústrias ocorrida durante a Segunda Revolução Industrial gerou uma grande atração de população para os centros urbanos. Portanto, esse processo culminou no aumento da urbanização mediante a saída da população das áreas rurais para as cidades (êxodo rural).

voltar a questão


Resposta Questão 7

Letra C

As nações menos desenvolvidas, que participaram à margem das inovações advindas com a Segunda Revolução Industrial, ocuparam um lugar de fornecedoras de matérias-primas dentro da lógica mundial da divisão do trabalho nesse período. Esses países não conseguiram efetivar um crescimento econômico baseado na industrialização, sendo assim altamente dependentes da produção de bens primários.

voltar a questão


Resposta Questão 8

Letra B

A Segunda Revolução Industrial no Brasil teve uma grande participação da economia cafeeira, que gerou o capital necessário para a instalação de indústrias, assim como culminou na formação de uma classe industrial no país. Ademais, nesse mesmo período, houve uma forte expansão do transporte ferroviário no Brasil, fundamental para a distribuição das mercadorias produzidas pelas indústrias da época.

voltar a questão


Resposta Questão 9

Letra D

As fontes de energia que caracterizaram a Segunda Revolução Industrial foram o petróleo e a eletricidade. Essas duas fontes energéticas contribuíram para a expansão do processo industrial nesse período.

voltar a questão


Resposta Questão 10

Letra D

A Segunda Revolução Industrial resultou na criação de muitos bens manufaturados, que viraram objeto de desejo da população, sendo assim largamente produzidos pelas indústrias. O telefone, o telégrafo e o rádio são exemplos de meios de comunicação criados nesse período.

voltar a questão


Resposta Questão 11

Letra B

O truste corresponde ao processo de fusão de duas ou mais empresas, que, no geral, resulta em ganhos de produtividade e lucratividade para ambas. Esse processo gera, entre outros, uma grande concentração de mercado.

voltar a questão


Resposta Questão 12

Letra B

A burguesia foi uma classe econômica muito importante para a consolidação da Segunda Revolução Industrial, uma vez que ela teve um papel determinante no financiamento do processo de expansão industrial nesse período. Sendo assim, os burgueses fixaram seu poder econômico e político ao longo da Revolução Industrial.

voltar a questão


Artigo relacionado
Leia o artigo relacionado a este exercício e esclareça suas dúvidas
  • Classificação dos verbos

    Teste como estão os seus conhecimentos sobre as diferentes classificação de verbos. Acesse!
  • Intertextualidade

    Solucione os nossos exercícios sobre esse interessante recurso da linguística textual.
  • Uso do gerúndio

    Você sabe quando o uso do gerúndio é correto? Fique ligado(a) para acertar todos os exercícios!